Olhar Conceito

Sábado, 20 de julho de 2024

Notícias | Literatura

inscreva-se

A prática é a mãe da inspiração: Curso de escrita criativa discute processo de criação

Foto: Reprodução/Ilustração

A prática é a mãe da inspiração: Curso de escrita criativa discute processo de criação
"A arte continuará a ser a atividade mais surpreendente da humanidade, nascida da luta entre a sabedoria e a loucura, entre o sonho e a realidade em nossa mente", disse a artista plástica polonesa Magdalena Abakanowicz. O mesmo se aplica à escrita: Acordado, sonhando ou em uma espécie de transe, o escritor torna seu trabalho em uma obsessão, uma paixão. Não é, simplesmente, um trabalho, mas sim um modo de vida.


Leia mais:Retalhos da década de 80 estão dispostos em livro "Cuiabália" de Hélio Pimentel que será lançado hoje
Obra de escritor cuiabano será adaptado para os cinemas; Confira

Jorge Luis Borges escreveu “Quando escritores morrem, eles tornam-se livros, o que, no final das contas, não é uma encarnação ruim”. E tendo isto em mente, muitos passam a vida aperfeiçoando a escrita. Um mito, no entanto, que circunda o processo de criação literária é o de que a inspiração faz metade do trabalho. Que o escritor só cria quando "está inspirado".

Nas rodas literárias, isto não passa de mito. A prática, dizem alguns, é a única forma de estar preparado para quando a “tal da inspiração” vier. “Inspiração eu só conheço de nome”, disse o poeta Manoel de Barros. Assim como muitos outros, o poeta passava todos os dias de manhã trancado em seu “cantinho de fazer nada”, seu escritório, escrevendo. Outro que podemos citar com este costume é Stephen King, que escreve religiosamente todos os dias 10 páginas.



Por conta disto, cursos de escrita criativa pipocam em várias partes do mundo. Ainda escassos no Brasil, é, no entanto, possível encontrar oportunidades nesta área. Uma delas é o curso “Jardineiro de ideias”, completamente online, ministrado por Diego Schutt.

Schutt é publicitário, escritor, e especialista em storytelling e criação de universos de ficção. Estudou escrita criativa na Austrália, Suíça, Estados Unidos, Inglaterra, Alemanha e até mesmo no Brasil. Há 4 anos, ele escreve e edita o site Ficção em Tópicos (clique AQUI), o site mais completo sobre storytelling em Português, que recebe mais de 20 mil visitas todos os meses

Ele já estudou pessoalmente com os maiores gurus de Hollywood, teve um dos seus textos incluído em um livro sobre a arte de escrever no capítulo ao lado do Neil Gaiman.

O curso



O autor de “Game of Thrones”, livros que deram origem à série do momento,George R. R. Martin, disse que existem dois tipos de escritores: arquitetos e jardineiros. Os arquitetos planejam antes de começar a escrever. Decidem quem são os personagens, os principais acontecimentos do enredo, e o que estão tentando comunicar com sua história. Os jardineiros apenas plantam uma ideia e esperam para ver o que aparece.

O Jardineiro de Ideias é um curso de escrita criativa do Ficção em Tópicos focado em colocar em prática as dicas e técnicas apresentadas no site a partir de diversos exercícios. Em cada uma das 6 semanas do curso, você assiste a um vídeo gravado, lê dois artigos técnicos, e escreve uma cena focando em um elemento fundamental de uma história de ficção (personagens, conflito, enredo, cenários, diálogos, tema).

Quando terminar cada exercício, você publica seu texto na comunidade exclusiva para alunos no Facebook. A ideia é que seus colegas leiam e comentem seus textos, em retribuição aos seus comentários sobre os textos deles. O instrutor também vai comentar todos os textos.

Use os exercícios para desenvolver uma história que você já começou a escrever, para criar um universo de ficção completamente novo, ou simplesmente para exercitar habilidades indispensáveis para quem quer escrever de forma mais envolvente.



Ao final do curso, você terá:

- Assistido a mais de uma hora de palestra do instrutor.
- Lido 12 artigos com técnicas de criação, edição e revisão de textos.
- Produzido cerca de 2.400 palavras nos exercícios.
- Recebido comentários sobre os pontos positivos e sugestões de melhoria para cada um dos seus textos.

Tópicos que serão discutidos

- O que faz um personagem ganhar vida na mente do leitor?
- Por que conflito é a base para se desenvolver uma história?
- Por onde começar a investigar possibilidades de enredo?
- Como desenvolver cenários que complementem a história?
- Quais são os 5 tipos de diálogos e qual a função de cada um deles?
- Como escrever sobre temas que envolvam as emoções do leitor?

Clique AQUI para saber mais e se inscrever.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet