Olhar Conceito

Sábado, 20 de julho de 2024

Notícias | Comportamento

NESTA QUINTA

Casa das Pretas promove palestras de prevenção ao suicídio em alusão ao Setembro Amarelo

Foto: Instituto Mulheres Negras

Casa das Pretas promove palestras de prevenção ao suicídio em alusão ao Setembro Amarelo
“Saúde Mental da População Negra: Tecituras sobre o cuidado e prevenção do suicídio” é o tema da roda de conversa em alusão ao Setembro Amarelo que acontece nesta quinta-feira (1), às 19h, no Centro Cultural Casa das Pretas, na Praça da Mandioca, em Cuiabá. Serão três palestrantes que comandarão a atividade: Maelison Neves, doutor em saúde coletiva pela UFMT, Sophie Campos, musicista, atriz de teatro musical, poetisa e militante pelos direitos das mulheres e pelo movimento negro e Neuziane Ule, pesquisadora que investiga a Negritude.


Leia mais: 
Criada para ocupar espaços, Casa das Pretas é reconhecida como protagonista em causas sociais pelo Prêmio Jejé de Oyá

Desde 2014, a Associação Brasileira de Psiquiatria – ABP, em parceria com o Conselho Federal de Medicina – CFM, organiza, em território nacional, o Setembro Amarelo. O dia 10 deste mês é, oficialmente, o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio, mas a iniciativa acontece durante todo o ano.

Atualmente, o Setembro Amarelo é a maior campanha anti estigma do mundo. Em 2022, o lema é “A vida é a melhor escolha!” e diversas ações já estão sendo desenvolvidas, como por exemplo a roda de conversas que acontecerá nesta quinta na Casa das Pretas, às 19h.
 
Três palestrantes engajados no movimento negro, na psicologia, artes e investigações sobre negritude, comporão a mesa da roda de conversas. São eles:

Maelison Silva Neves é docente do departamento de Psicologia da UFMT, doutor em saúde coletiva, pesquisador do núcleo de estudos ambientais, saúde e trabalho, com ênfase na epidemiologia crítica e saúde mental.

Sophie Campos - nascida e criada em Cuiabá-MT, mulher trans, negra, estudante de licenciatura em música na UFMT, Cantautora, Membro da Academia de Artes Ciências e Letras do Brasil, musicista, atriz de teatro musical, modelo, escritora, poetisa, militante pelos direitos LGBTQIA+, pelos direitos das mulheres e pelo movimento negro.

Neuziane Ule - psicóloga, especialista em Saúde da Família e, atualmente, mestranda em psicanálise, pelo PPG Psicanálise: Clínica e Cultura da UFRGS, pesquisadora integrante do Grupo de Estudos Egbe: Negritude, clínica e comum.

Casa das Pretas

A Casa das Pretas é um centro cultural criado pelo Instituto de Mulheres Negras de Mato Grosso, @imunemt, como espaço para criação e manifestação da arte e cultura afro-brasileira, fomentando debates sobre questões sociais de raça e gênero.

“E é isso que imune faz. Ele quer discutir, quer chamar atenção para nossas mulheres da importância de estarmos preparadas para o enfrentamento de combate ao machismo, racismo, misoginia e a todas formas de intolerância correlatas a violência que as mulheres sofrem. É nessa perspectiva que o imune trabalha”, disse a fundadora do Instituto, Antonieta Luisa Costa. 

Setembro Amarelo
 
O suicídio é uma realidade que atinge o mundo todo e gera grandes prejuízos à sociedade. De acordo com a última pesquisa realizada pela Organização Mundial da Saúde - OMS em 2019, são registrados mais de 700 mil suicídios em todo o mundo, sem contar com os episódios subnotificados, pois com isso, estima-se mais de 01 milhão de casos.

No Brasil, os registros se aproximam de 14 mil casos por ano, ou seja, em média 38 pessoas cometem suicídio por dia. 
 
Embora os números estejam diminuindo em todo o mundo, os países das Américas vão na contramão dessa tendência, com índices que não param de aumentar, segundo a OMS.

Sabe-se que praticamente 100% de todos os casos de suicídio estavam relacionados às doenças mentais, principalmente não diagnosticadas ou tratadas incorretamente. Dessa forma, a maioria dos casos poderia ter sido evitada se esses pacientes tivessem acesso ao tratamento psiquiátrico e informações de qualidade. 

Esta é uma página completa com material disponível para auxiliar a todos. Assim sendo, aproveite os nossos materiais e participe da nossa campanha durante todo o ano.

São diversos materiais de uso público: Diretrizes para a Divulgação e Participação da Campanha Setembro Amarelo, materiais online para download, a Cartilha Suicídio Informando para Prevenir e todo o material para a imprensa.

Participe, divulgue a campanha entre os seus amigos e ajude a salvar vidas!


 
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet