Olhar Conceito

Terça-feira, 16 de agosto de 2022

Notícias | Saúde e Beleza

​MELHORES RESULTADOS

Dentista oncológico explica os benefícios de um tratamento preventivo

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Dentista oncológico explica os benefícios de um tratamento preventivo
Os dentistas oncológicos, Dr. Bernar Monteiro Benites e Dra. Bruna Ely Gouvêa Bumlai, oferecem tratamentos pouco conhecidos, mas que podem fazer muita diferença na vida dos pacientes diagnosticados com câncer.
 
Medidas preventivas e cuidados orais podem ser realizados com intuito de minimizar as complicações e oferecer a melhora da qualidade de vida do paciente oncológico, além, de ser possível planejar precocemente a reabilitação oral, em alguns casos.
 
Leia mais:
Museu de Arte Sacra abre exposição “Presépios”, que traz representações do nascimento de Cristo
 
“Poucas pessoas conhecem a área de atuação da odontologia oncológica. Na verdade, a grande maioria não sabe que existe um dentista específico, com conhecimento da oncologia, e existem diversos detalhes que fazem diferença no dia a dia dos pacientes”, disse Bernar.
 
Antes do paciente iniciar o tratamento oncológico, este deveria se submeter à assistência odontológica com a finalidade de: remover focos de infecção oral; orientação de higiene bucal; dieta; explicar sobre possíveis alterações bucais e, principalmente, aumentar a aderência ao tratamento.
 
Um dos principais efeitos colaterais da quimioterapia e, principalmente da radioterapia de cabeça e pescoço, é a mucosite, uma inflamação que pode envolver toda a mucosa oral e gastrointestinal, muito dolorosa, semelhante às aftas, que causa muito desconforto e pode interferir no tratamento oncológico.
 


Bernar e Bruna realizam o manejo dos efeitos colaterais, mas reforçam a importância do preparo do paciente antes de começar o tratamento oncológico.
 
Os estudos científicos e a literatura são bem vastos quando o assunto é a laserterapia e mucosite oral, tanto para protocolos de prevenção quanto para o seu tratamento. Nesse momento, a experiência clínica conta muito, pois a depender do Grau da mucosite oral, algumas medidas são tomadas para diminuir a dor do paciente, bem como permitir que seja feita a correta higienização e prevenção de possíveis infecções orais associadas.
 
Segundo o cirurgião-dentista, alguns estudos apontam que, aproximadamente, 30% dos pacientes que realizam a quimioterapia desenvolverão a mucosite oral, e praticamente 100% dos casos de radioterapia de cabeça e pescoço irão apresentar algum efeito colateral em boca, quer seja a mucosite oral, a hipossalivação (pouca salivação), a alteração do paladar, dentre outros, e a falta de tratamento destes com um profissional especializado pode aumentar muito as despesas do paciente e retardar a resolução do caso. O mais importante ao Dr. Bernar é que o acompanhamento seja feito desde o início do tratamento oncológico.


 
“A ideia do nosso tratamento é sempre atuar de maneira profilática. Isto não impede, porém, que os pacientes venham a desenvolver os efeitos colaterais. Por isso, a consulta antes de iniciar o tratamento oncológico é a ideal. Isso permitirá ao paciente se conscientizar sobre os possíveis efeitos colaterais e em uma consulta educativa, o dentista oncológico dá ênfase à escovação e ao correto uso do fio dental o que colabora muito para a prevenção da mucosite oral, por exemplo. Somado a isso, reforça a importância do paciente manter uma boa higiene oral durante todo o tratamento, utilizando creme dental de melhor indicação, alguns produtos para bochecho, entre outras ações que possam reduzir os efeitos colaterais, em alguns casos em até 50% de acordo com a literatura, afirma”.
 
O dentista Bernar Benites é cidadão cuiabano, se formou na Unic em 2008 e depois passou sete anos na cidade de São Paulo, cidade na qual realizou algumas especializações. Ele é especialista em Estomatologia e Laserterapia, com mestrado em Biologia Oral e doutorado em Oncologia, pelo hospital Sírio Libanês. Sua colega, a dentista Bruna Bumlai é especialista em Dentística e também atua na Laserterapia.
 
Vale frisar que, neste ano, o Dr. Bernar Monteiro Benites e a Dra. Bruna completam 10 anos de atendimento e suporte aos pacientes oncológicos juntos à Oncomed. Por sua vez, atualmente, ele e a Dra. Bruna possuem consultório e realizam as consultas dentro da Clínica Oncomed - Tratamento Multidisciplinar, em Cuiabá. Eles reforçam, no entanto, que não atendem exclusivamente pacientes vinculados à Oncomed, mas, também, outros que realizam tratamento fora da clínica.


 
“Nós insistimos que toda a equipe médica oncológica nos encaminhe o paciente antes do início do tratamento oncológico, pois quando o paciente chega até nós nesse momento, é possível realizar procedimentos invasivos, como é o caso da extração dentária, e principalmente, reabilitador com implantes dentários. No entanto, eles explicam que mesmo em casos que o paciente já está em tratamento oncológico, isso não impede a realização do tratamento odontológico. Com uma avaliação minuciosa e em conversa com a equipe médica, é possível realizar o tratamento dentário, normalmente.
 
Para mais informações sobre os tratamentos oferecidos e a importância do profissional especializado na odontologia oncológica, entre em contato pelo (65) 3615-5271 ou visite o site - www.drbernarbenites.com.br
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet