Olhar Conceito

Sábado, 31 de outubro de 2020

Notícias / Dr. Elson Adorno - Cirurgia Plástica

Cirurgião plástico explica como aumentar a libido com preenchimento do ponto G

Dr. Elson Adorno

11 Fev 2020 - 09:26

Foto: Reprodução / Ilustração

Cirurgião plástico explica como aumentar a libido com preenchimento do ponto G
Infelizmente, é grande o número de mulheres que não conseguem chegar ao orgasmo. Uma pesquisa realizada pela Universidade de São Paulo (USP), mostrou que 34,6% das brasileiras sofrem com a falta de desejo sexual e 29,3% delas têm vida sexual sem orgasmo. Além de tratamentos psicológicos, terapias de casal e libertação feminina, uma técnica que tem aumentado muito nos últimos anos, que nasceu nos Estados Unidos, possibilita aumentar a excitação por meio da volumização do Ponto G, com injeções de ácido hialurônico, o mesmo dos preenchimentos feitos na harmonização facial.

Leia também:
Cirurgião plástico fala sobre a sensualidade dos lábios na harmonia da face

O procedimento foi criado nos Estados Unidos, por um cirurgião plástico, e patenteado como ‘G-Shot’. Nele, é usado o mesmo produto dos outros preenchimentos – como o do famoso bigode chinês – mas com outra técnica. O procedimento é feito de forma simples, no consultório, em vinte minutos, e que as mulheres já podem ter relações sexuais 24 horas depois.

Procedimento é realizado semelhante ao exame ginecológico, onde é aplicado de 0,5 a 1 mL do ácido hialurônico, dependendo do biotipo da paciente. O objetivo é a vasodilatação dos vasos sanguíneos e a volumização do ponto G. Consequentemente, a região fica mais sensível, e a mulher tem mais facilidade em ficar excitada e atingir o orgasmo.

A injeção é indicada tanto para mulheres que têm a libido baixa, e dificuldade em atingir o orgasmo, quanto para aquelas que querem potencializar seu prazer sexual, de todas as idades.

*Elson Adorno é especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e em Cirurgia Plástica pelo MEC, preceptor do Programa de Residência Médica De Cirurgia Plástica do Hospital de Base de Rondônia, docente do curso de medicina do UNIVAG, diretor e coordenador do curso Advanced Trauma Life Support-ATLS, Núcleo Campo Grande/Cuiabá; instrutor do curso Pré Hospital Trauma Life Support, Núcleo Campo Grande; instrutor do curso Disaster Management and Emergency Preparedness Course- DMEP, Núcleo USP/HC-São Paulo e Instrutor do Curso Nacional de Normatização de Atendimento ao Queimado-CNNAQ. (Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto)

Redes Sociais

Sitevip Internet