Olhar Conceito

Segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Notícias / Gastronomia

Na semana do dia dos pais, prefeito libera restaurantes para funcionarem aos domingos

Da Redação - Isabela Mercuri

04 Ago 2020 - 08:22

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Na semana do dia dos pais, prefeito libera restaurantes para funcionarem aos domingos
A sete dias do ‘Dia dos Pais’, o prefeito Emanuel Pinheiro emitiu um novo decreto liberando o funcionamento de bares e restaurantes aos domingos e feriados. A medida veio uma semana após a reabertura do comércio na capital. O decreto também altera o horário de funcionamento durante a semana, algo que havia sido criticado pelos donos deste tipo de estabelecimento.

Leia também:
No epicentro da pandemia, Emanuel diz que vai reavaliar horário de bares na próxima segunda-feira

A partir de quarta-feira (5), Já os bares, restaurantes e congêneres, que antes abriam das 11h às 21h, de segunda a sábado, e apenas delivery aos domingos e feriados, passam a funcionar de segunda-feira à sábado, das 11h às 22h, e aos domingos e feriados das 11h às 16h. No entanto, nos shopping centers, os atendimentos presenciais aos domingos e feriados continuam vedados, sendo permitido apenas o serviço de delivery. 

As distribuidoras de bebidas passam a funcionar de segunda-feira a sexta-feira, das 11h às 21h, e nos sábados, domingos e feriados, das 9h às 21h, vedado o consumo no local. No decreto anterior, os estabelecimento estavam liberados a abrir as portas de segunda-feira a sábado, das 12h às 21h, e nos domingos e feriados o atendimento era autorizado apenas mediante delivery. 

Outro setor atingido é o de comércio varejista nos shoppings centers, que funcionava de segunda a sábado, das 11h às 21h. Agora, o horário de atendimento ao público foi alterado para das 11h às 22h, continuando, aos domingos e feriados, permitida a atuação somente por meio de delivery.

Na última quarta-feira (29), Emanuel chegou a ser questionado por uma dona de restaurante sobre o horário de funcionamento que tinha estabelecido. Ele afirmou que iria reavaliar, e que admitia que o setor era um dos mais prejudicados.

“O vírus não circula, quem circula são as pessoas. E a vida noturna, e especialmente a vida noturna cuiabana é muito intensa. É durante a noite que você relaxa mais tomando sua cervejinha, reunido com os amigos, aglomerando, abraçando, beijando, e nesse momento, isso está muito bem avaliado no comitê de enfrentamento à Covid-19, nesse momento o vírus encontra um campo muito maior e mais rápido de propagação e de contágio”, disse o prefeito, na última semana.

2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Conceito. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Conceito poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • sincero
    04 Ago 2020 às 10:33

    EU ENTENDO O DESESPERO DOS EMPRESÁRIOS E PARTE DA POPULAÇÃO. O QUE TEMOS PRA FAZER NESSA CIDADE A NÃO SER FREQUENTAR SHOPPING E BOTECOS?

  • LOGAN
    04 Ago 2020 às 10:09

    ISSO AI, MATE SEU PAI.

Redes Sociais

Sitevip Internet