Olhar Conceito

Quinta-feira, 24 de setembro de 2020

Notícias / Gastronomia

Nevaska passa segredos da produção de sorvete de pai para filho em Cuiabá

Da Redação - Bruna Bom

12 Mar 2020 - 15:08

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Nevaska passa segredos da produção de sorvete de pai para filho em Cuiabá
Impulsionada pelo calor cuiabano, a Sorveteria Nevaska vêm fazendo história em Mato Grosso desde 2001. De lá pra cá, muita coisa mudou e agora, prestes a completar 20 anos de história, os segredos da produção do sorvete serão passados de pai para filho.

Leia mais: 
Na contramão da era gourmet, Nevaska garante sucesso com centenária receita de sorvete

Para Euclides Pereira, proprietário da loja que trabalha com sorvetes há 36 anos, chegou o momento de descansar e deixar os filhos, Jhonathan e Matheus, trazerem inovação para a produção do sorvete.

“Me sinto super realizado passando a tradição para frente. Agora estou naquela fase de aproveitar os últimos dias da minha vida, já trabalhei muito, agora é com eles”, conta Euclides, que está animado com as novidades que os filhos trarão para a produção. “Eu acho que daqui pra frente vai ser melhor ainda do que quando eu comecei. Eles tem novas ideias e novas técnicas e muita vontade de inovar”, conta.



Técnico em gastronomia pelo Univag (Centro Universitário de Várzea Grande), Jhonathan, de 25 anos, ficará responsável pelas operações rotineiras da produção de sorvete, que acontecem há uma quadra da sorveteria, na fábrica. Com uma produção média 12,5 toneladas de sorvete por mês, esse é o primeiro passo da Nevaska em direção a uma grande expansão.

Jonathan conta que ama o que faz e que já fica no comando da produção do sorvete quando o pai não está. “Já fiquei na produção antes, até cobrindo férias. É um trabalho puxado, tirar sorvete da máquina principalmente”, conta o jovem.



“O sorvete tem que estar sempre fresquinho, mas também não pode deixar faltar. É pra isso que temos o engenheiro de alimentos, pra tudo ser feito na quantidade certa”, conta Gilda Winter, proprietária da sorveteria e mãe de Jhonathan e Matheus. “O Matheus está cursando engenharia de alimentos e assim que formar também vai entrar na nossa equipe de produção a todo vapor.”

Dentro da fábrica, quatro funcionários, além de Euclides e Jhonathan, auxiliam na produção de 57 sabores de sorvete de fruta e de leite.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet