Olhar Conceito

Quinta-feira, 13 de junho de 2024

Notícias | Política Cultural

edital viver cultura

Exposição sobre populações tradicionais de Vila Bela e cursos gratuitos serão lançados em fevereiro

Foto: Reprodução

Exposição sobre populações tradicionais de Vila Bela e cursos gratuitos serão lançados em fevereiro
A exposição fotográfica "Mãos que sustentam a memória do tempo", com fotografias de populações tradicionais de Vila Bela da Santíssima Trindade, valorizando a cultura do povo negro, indígenas e comunidades quilombolas, é um dos projetos viabilizados pelo edital Viver Cultura que serão lançados em fevereiro. 


Leia também 
Conduta de PMs em tentativa de chacina foi 'abjeta, desprezível e repugnante', diz promotor


Além da mostra, o curso "Queer foco – arte e visibilidade LGBTQIAPN+" está com inscrições gratuitas abertas. A capacitação tem o objetivo de apresentar a história da arte pela perspectiva do trabalho de artistas visuais LGBTQIAPN +.

Com investimento de R$ 10 milhões do Governo de Mato Grosso, o edital Viver Cultura foi lançado no final de 2022 para impulsionar variados segmentos culturais em todo o Estado. Foram contemplados 266 projetos nas categorias de criação e desenvolvimento de experiências artístico-culturais, ações formativas, práticas e vivências culturais, circulação, mostras e festivais. 

Mãos que sustentam a memória do tempo

A mostra apresenta o cotidiano de moradores da cidade, mostrando momentos simbólicos do fazer com as mãos. Nas fotos, eles estão produzindo artesanato, cuidando da terra, pescando e reproduzindo ofícios e saberes ancestrais, como guardiões da cultura e da história do município.

A exposição e instalação "Mãos que sustentam a memória do tempo" será aberta ao público no dia 03 de fevereiro, às 8h, com entrada gratuita. A mostra fica aberta até o dia 23 de fevereiro, na recepção da agência do Sicredi, em Vila Bela da Santíssima Trindade. 

Queer foco – arte e visibilidade LGBTQIAPN

As inscrições para o curso Queer foco – arte e visibilidade LGBTQIAPN+ já podem ser feitas pelo link . As aulas serão online, no período noturno, entre 23 de fevereiro e 17 de maio. O curso será conduzido pela historiadora da arte e mestre em Estudos Contemporâneos das Artes Ynaê Cortez e pela arte-educadora especialista em Estudos e Práticas de Cultura Marcela Klayn.

Outro curso viabilizado pela Secel via edital Viver Cultura foi "Iniciação ao audiovisual: conhecendo as ferramentas do básico ao avançado", que foi finalizado no dia 20 de janeiro, em Sorriso. O projeto surgiu de uma demanda na região em qualificar a mão de obra local para atuar em produções audiovisuais.

A capacitação durou três meses e abordou temas como criação de roteiro, manutenção e operação de equipamentos, técnicas de captação e edição de imagens e áudio, entre outras ferramentas usadas no audiovisual. Ao fim, os alunos fizeram o curta-metragem "Presente das sombras", disponível no Youtube. 
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet