Olhar Conceito

Quarta-feira, 22 de maio de 2024

Notícias | Artes Cênicas

'Armarinho, Cantinho da Imaginação'

Mais de 4 mil crianças de cinco escolas públicas de Cuiabá recebem oficinas de artes cênicas

Foto: Rogério Florentino

Mais de 4 mil crianças de cinco escolas públicas de Cuiabá recebem oficinas de artes cênicas
Entre os dias 12 e 16 de junho, o projeto "Armarinho, Cantinho da Imaginação", realizou oficinas de artes cênicas em cinco escolas públicas de Cuiabá. A ação tem como objetivo incentivar e aproximar as crianças da música, teatro, criação, adaptação de sinopses e roteiros. 


Leia também
Morando nos EUA, cuiabano viraliza com lambadão na Time Square: 'temos que levar para o mundo'; veja vídeo


Além das oficinas, as crianças tiveram acesso aos armarinhos, repletos de livros, brinquedos, jogos e cenários, e apresentações de teatro e fantoches. Em Cuiabá, a ação contemplou 4155 crianças.

“O projeto Armarinho, Cantinho da Imaginação' está em sintonia com os valores da Romagnole por contribuir para a melhoria da educação pública e estimular a criatividade das crianças”, afirmou a coordenadora de Gestão de Pessoas da Romagnole, Aparecida Nogueira Bravo. 

Viabilizado pela Lei de Incentivo à Cultura, “Armarinho, Cantinho da Imaginação” é uma realização do Ministério da Cultura com produção da Incentivar, e patrocínio da Romagnole, uma das maiores fabricantes de produtos elétricos do Brasil, que anualmente apoia projetos de cultura e outras frentes via incentivo fiscal.

Sobre a Romagnole

Há mais de 60 anos produzindo e comercializando soluções para o setor elétrico no Brasil e no exterior, a Romagnole tornou-se uma referência não só pela eficiência e qualidade dos seus produtos, mas também pelo sua forte atuação na área de responsabilidade social e sua contribuição para o desenvolvimento humano e econômico das comunidades nas quais está inserida.

Ao apoiar este projeto e facilitar o acesso à cultura para os alunos da rede pública municipal, a empresa reforça seus vínculos com a comunidade local, fortalece os princípios e valores da companhia e reafirma seu compromisso com o desenvolvimento social do município.

Sobre o Ministério

A principal ferramenta de fomento à Cultura do Brasil, a Lei de Incentivo à Cultura contribui para que milhares de projetos culturais aconteçam, todos os anos, em todas as regiões do país. Por meio dela, empresas e pessoas físicas podem patrocinar espetáculos – exposições, shows, livros, museus, galerias e várias outras formas de expressão cultural – e abater o valor total ou parcial do apoio do Imposto de Renda.

A Lei também contribui para ampliar o acesso dos cidadãos à Cultura, já que os projetos patrocinados são obrigados a oferecer uma contrapartida social, ou seja, eles têm que distribuir parte dos ingressos gratuitamente e promover ações de formação e capacitação junto às comunidades. Criado em 1991 pela Lei 8.313, o mecanismo do incentivo à cultura é um dos pilares do Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac), que também conta com o Fundo Nacional de Cultura (FNC) e os Fundos de Investimento Cultural e Artístico (Ficarts). Essas ações são patrocinadas pela Romagnole. Lei de Incentivo à Cultura, Ministério da Cultura.

Instituições que receberam as estruturas e oficinas:

E.E. Dr. Mário de Castro, E.E. Prof. Welson Mesquita ou E.E. Pascoal Ramos, EMEB Onofre de Oliveira, E.E. Malik Didier Namer Zahafi, EMEB Senador Gastão de Matos Muller

 
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet