Olhar Conceito

Terça-feira, 17 de maio de 2022

Notícias | Artes Cênicas

“Eu nunca lhe apareci de branco”

Tradicional festival de São Paulo é realizado em Cuiabá com peça sobre a poetisa Emily Dickinson

Foto: Reprodução

Tradicional festival de São Paulo é realizado em Cuiabá com peça sobre a poetisa Emily Dickinson
O espetáculo “Eu nunca lhe apareci de branco”, sobre a obra da misteriosa poetisa Emily Dickinson será apresentado nesta quinta-feira (02), às 20 horas, no Cine Teatro Cuiabá, durante o festival Satyrianas. O tradicional Festival Satyrianas, de São Paulo, acontece pela primeira vez em Cuiabá e Cáceres, e segue com programação de 2 a 5 de dezembro.
 
Leia mais:
Documentário indicado ao Oscar é exibido em mostra sobre os 60 anos do Parque Indígena do Xingu
 
A peça dos cuiabanos Eduardo Butakka e João Reis conta por meio de leituras de cartas e poesias a história de uma das principais – e mais enigmáticas – poetas da língua inglesa. Em torno de Emily Dickinson criou-se o mito sobre sua personalidade reclusa. Sua obra só veio à público após sua morte, quando encontraram em seu quarto quase 2 mil poemas guardados em baús e escrivaninha.
 
A trilha do espetáculo é original, composta exlusivamente por João Reis. “Criar uma atmosfera que contribua para as leituras é o maior desafio da trilha. Minha inspiração veio da própria poesia de Dickinson”, contou João Reis, que divide a cena com Butakka.
 
O Festival Satyrianas, realizado pelo grupo Satyros (SP) surgiu em 1989 com o nome de “Folias Teatrais”. Atualmente, o festival é um dos mais tradicionais do país.
 
Neste ano, pela primeira vez, Mato Grosso será palco do Festival Satyrianas. As cidades de Cuiabá e Cáceres abrigarão diversas atividades artísticas no Cine Teatro Cuiabá, Casa Cuiabana, CineXin e Centro Municipal Cultural de Cáceres, com acesso ao público da região, de forma física presencial. Algumas das atividades serão transmitidas no YouTube Cine Teatro Cuiabá.


 
A integração com o grupo acontece graças a MT Escola de Teatro, curso superior em Teatro oferecido pela Unemat em parceria com a SP Escola de Teatro e a associação Cena Onze. “A importância de arte enquanto um ambiente de troca de ideias e resistência é o maior trunfo do festival. Permitir esse intercâmbio com outros artistas e com o público é o que nos motiva a participar”, contou Butakka.
 
A produção ficou com conta de Laura Amorim e Evelyn Silva. Evelyn também assina o figurino da peça. A luz é feita por Priscila Freitas e a sonoplastia é operada pelo músico João Abrantes.
 
Serviço
 
O quê: peça “Eu nunca lhe apareci de branco” no Festival Satyrianas
Onde: Sala Anderson Flores do Cine Teatro Cuiabá
Quando: Sessão única, dia 2 de dezembro às 20 horas (o festival continua de 2 a 5 de dezembro)
Ingressos: Pague quanto quiser (o público decide o quanto quer contribuir. A sugestão da produção da peça é 20 reais)
Informações sobre a programação pelo link.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet