Olhar Conceito

Sexta-feira, 28 de janeiro de 2022

Notícias | Artes Cênicas

Online e Presencial

Festival de Teatro da Amazônia Mato-grossense conta com participação de artistas de Portugal e Argentina

Foto: Reprodução

Festival de Teatro da Amazônia Mato-grossense conta com participação de artistas de Portugal e Argentina
O Festival de Teatro da Amazônia Mato-grossense, previsto para ser realizado em novembro, conta com a participação de artistas de Portugal, Peru e Argentina para a Mostra Virtual. Já a Mostra Presencial, realizada em Alta Floresta (a 789 km de Cuiabá), terá oito espetáculos, com duas apresentações cada.

Leia também:
Instalação no Salão Jovem Arte é criticada por “banalizar escravidão”; autor nega e organização se desculpa

Inicialmente, a nova edição do Festival estava prevista para ser realizada em 2020, mas precisou ser adiada por conta da pandemia do novo coronavírus. Ainda em 2021, aconteceram mais dois adiamentos, porém devido ao cenário atual, com número de transmissão reduzindo e o avanço da vacinação, foi determinado que o Festival será realizado em novembro.

Na Mostra Virtual, entre as apresentações internacionais estão o Grupo Yuyachkani, do Peru - um dos grupos mais importantes do mundo, com mais de 50 anos de atuação; Debora Correa, da Argentina; e o grupo Teatro O Bando, de Portugal. Já entre as apresentações nacionais, estão In Próprio Coletivo, Ivan Cabral – da Cia de teatro os Satyros, Cia. Pessoal de Teatro, Grupo de Teatro Clowns de Shakespeare, Cia Solta e Teatro do Concreto.

A Mostra Presencial conta com oito espetáculos em Alta Floresta, com duas apresentações cada. Carlinda e Paranaíta (a 755 e 860 km de Cuiabá, respectivamente) também vão contar com duas apresentações, uma para o público adulto e outra para o público infanto-juvenil.

Além dos espetáculos teatrais, durante o Festival serão realizadas cinco Tertúlias Teatrais, que conforme explica o coordenador do evento, são “um espaço de encontros, compartilhamentos e trocas entre grupos”, momento de diálogo sobre o fazer teatral com os artistas, produtos e público que se interessa em participar, oportunizando múltiplos aprendizados e, nesse período pandêmica, oportunizando reencontros. Das cincos Tertúlias, duas delas serão virtuais e três presenciais, seguindo a lógica híbrida proposta nesta edição do Festival.

Para organização do Festival, a realização do evento é uma vitória e um ato de resistência, uma vez que, o teatro no mundo todo precisou se adaptar e se reorganizar para passar por esse período. Para esta edição do Festival, além das medidas de segurança no espaço presencial, a curadoria se ocupou em escolher espetáculos que envolvessem menor elenco, bem como, solicitando que os membros dos grupos que virão para Alta Floresta estejam vacinados ao menos com a primeira dose.

A 9ª Edição do Festival de Teatro da Amazônia Mato-grossense é uma ação realizada com recursos da Lei Aldir Blanc através do Edital nº 06/2020/SECEL/MT – Circuito de Mostras e Festivais de Cultura.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet