Olhar Conceito

Segunda-feira, 25 de outubro de 2021

Notícias / Turismo

Sem medo da pandemia

Mato-grossenses procuram viajar para o Rio de Janeiro e Nordeste; brasileiros buscam o México

Da Redação - José Lucas Salvani

04 Jun 2021 - 08:53

Foto: Reprodução

Mato-grossenses procuram viajar para o Rio de Janeiro e Nordeste; brasileiros buscam o México
Os moradores de Mato Grosso estão procurando viajar para o Rio de Janeiro e região Nordeste durante a pandemia do novo coronavírus. Estes são os destinos que a agente de turismo, Mônica Galbiatto, tem mais atendido ultimamente. Já em relação aos brasileiros, além do Nordeste, há bastante procura para o México. Atualmente, 93 países estão aceitando a entrada de brasileiros.

Leia também:
Após serem vacinados, idosos começam a procurar destinos de viagem, revela consultora

“Para viajar, no momento, há muita procura para o Brasil e México, e já antecipando as compras para o exterior para o ano de 2022 visto que as tarifas estão propícias, e também cometerás flexibilizadas em caso de alteração”, explica ao Olhar Conceito. Além do Brasil e México, há procura também por Costa Rica, Maldivas, Emirados Árabes, República Dominicana e Aruba.

Ainda para 2021, há procura por cruzeiros em novembro. Já para 2022, há procura para a temporada de neve na Europa, com parte da procura sendo feita por jovens. A maioria das reservas, entretanto, são feitas por famílias e casais.

Os países que estão recebendo brasileiros durante a pandemia listam algumas medidas de biosseguranças como apresentação de resultado de exame RT-PCR para entrada, como Bahamas, Barbados, Bermudas, Egito, Maldivas, Paraguai e Tailândia. A lista completa pode ser conferida aqui.

Segundo a revista Época, apenas o México e Costa Rica não exigem qualquer medida de biossegurança como quarentena antes da viagem ou exame de RT-PCR. A Costa Rica exige apenas o preenchimento de um formulário de saúde e aquisição de um seguro médico caso o turista seja infectado pelo novo coronavírus durante a viagem. Já o México não exige nenhuma documentação.

Na Costa Rica, segundo dados do Ministério da Saúde local, colhidos nesta terça-feira (25), são 304 mil casos confirmados de covid-19. No país, 3,8 mil pessoas morreram e 1,4 mil estão internados. Desde abril, a Costa Rica tem enfrentado um aumento no número de casos registrados, após passar por uma curva lenta de crescimento entre janeiro e março de 2021.

Já no México, os números são mais alarmantes. Neste país, são 2,5 milhões de casos confirmados e 221 mil mortes. Desde o dia 11 de maio, o país tem registrado mais de duas mil confirmações diariamente, com exceção aos dias 15, 16, 21, 22 e 23. 

Idosos vacinados

Após serem vacinados contra a covid-19, os idosos estão começando a procurar por agências de turismo. Segundo a agente de viagem em Mato Grosso, Mônica Galbiatto, a procura ainda é baixa, mas afirma que já é notável um aumento da procura por este grupo.

“Por mais que a vacina não nos dê segurança da imunização, eles se sentem mais seguros, visto que se algo acontecer será mais leve”, explica Mônica ao Olhar Conceito. A agente explica, todavia, que apesar dos idosos estarem a procura de destinos, o ritmo ainda é muito devagar.

Segundo Galbiatto, há casos de pessoas que estão procurando por uma viagem, mas que preferem aguardar as fases de restrição chegarem ao fim ou então que a pandemia do novo coronavírus esteja com uma taxa de contaminação baixa. "A maioria prefere viajar depois que as restrições de viagens forem suspensas, principalmente as pessoas que fazem parte do grupo de risco”, expõe.

Formada em Marketing, Mônica é consultora de viagem nacional e internacional. Ela trabalha com turismo desde 1984, passando por um cia aérea e agências de turismo em Cuiabá. Para entrar em contato, basta ligar ou mandar mensagem no WhatsApp para o número (65) 99679-0022.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet