Olhar Conceito

Segunda-feira, 27 de setembro de 2021

Notícias / Música

CULTURA REGIONAL

‘Rua do Rasqueado’ volta até o final do ano e deve percorrer bairros de Cuiabá, garante secretário

Da Redação - José Lucas Salvani

11 Ago 2019 - 08:14

Foto: Reprodução

‘Rua do Rasqueado’ volta até o final do ano e deve percorrer bairros de Cuiabá, garante secretário
A “Rua do Rasqueado” deve voltar até o final de 2019 e irá percorrer pelos bairros de Cuiabá, deixando de ser fixa na Praça Caetano de Albuquerque, garante o secretário municipal de Cultura, Esporte e Turismo, Francisco Vuolo. O evento é um dos principais da capital mato-grossense no segmento da cultura regional e teve sua última edição em 2017.

Leia mais:
Adeus a Bolinha: João Eloy lamenta perda de espaço no rádio e Pescuma planejava show com o amigo

“Os projetos culturais tinham uma programação financeira, mas teve que ser feita uma readequação. O prefeito já sentou conosco, já apresentou uma programação e nós só vamos chancelar com o secretário de Finanças para ele anunciar o desembolso e, dentro dele, vem o projeto da ‘Rua do Rasqueado’”, conta ao Olhar Conceito.

Para esta nova edição, é esperado que a Rua do Rasqueado seja móvel. Suas últimas edições foram realizadas na Praça Caetano de Albuquerque, mas a ideia por trás do novo evento é que o projeto ande pela capital levando o rasqueado a vários bairros.

A volta da “Rua do Rasqueado” não deve ser o único evento ou ação voltada ao rasqueado em Cuiabá. “Esses são os instrumentos que nós usamos para poder fomentar, trabalhar e atuar. Vai ser uma das ações voltadas para o rasqueado, haverão outras também. A Prefeitura procura valorizar nesse sentido”, esclarece. 

O projeto é idealizado pelo cantor Milton Pereira de Pinho, o Guapo, e teve sua primeira edição em 1993, mas foi interrompido logo no ano seguinte. Sua volta aconteceu somente dez anos depois, porém foi suspenso em 2005, voltando em 2012. Já em 2015 e 2017 foram realizadas duas edições com o apoio da Secretaria de Estado de Cultura, na gestão do ex-governador Pedro Taques.

“Foi o projeto Rua do Rasqueado que deu alento para os músicos da Baixada Cuiabana, desenvolverem os novos ritmos, lambadão e lambadinha, expressões atualmente consagradas na noite cuiabana”, destaca Guapo.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet