Olhar Conceito

Terça-feira, 22 de setembro de 2020

Notícias / Arquitetura, décor e design

Estudante de engenharia cria empresa de venda de kokedamas e terrários após trauma familiar

Da Redação - Isabela Mercuri

17 Set 2018 - 09:20

Foto: Arquivo Pessoal

Estudante de engenharia cria empresa de venda de kokedamas e terrários após trauma familiar
Foi em março de 2017, depois que sua mãe ficou na UTI por quatro dias e uma semana após o falecimento da avó, que o estudante de engenharia Celso Adriano de Sá, hoje com 28 anos, decidiu buscar algo que gostasse de fazer para se distrair, e começou a desenvolver uma horta em casa. Pouco mais de um ano depois, ele criou o ‘Mundo Paralelo’, empresa de comercialização de kokedamas e terrários.

Leia também:
'Casa e Construção' realiza seminário sobre arquitetura e desafios da sustentabilidade

“Foi um momento muito turbulento da minha vida. A partir daí comecei a desenvolver uma horta em casa, e fiquei simplesmente apaixonado pelo resultado. Amo cozinhar e colher hortaliças frescas direto da horta, [acho que] me faz cozinhar com mais amor. Eu sempre gostei de plantas. Quando estou em contato com a terra me desligo do mundo, é uma paz interior imensurável”, contou ao Olhar Conceito.

Em abril deste ano Adriano decidiu transformar o hobby em trabalho. Assim nasceu o ‘Mundo Paralelo’, que tem como carro chefe os kokedamas. “A palavra Kokedama vem de musgo (koke) e bola (dama), ou seja, a bola de musgo, que é uma técnica japonesa, variante do bonsai. A bola é feita de uma mistura de terras e substrato, coberta de musgo, e nela as plantas são colocadas antes ou depois da amarração, que a deixa firme e estável”, explica. As plantas utilizadas são naturais, e os kokedamas ficam, normalmente, em ambientes internos.

Para fazer o kokedama, o estudante – que também é técnico em recursos humanos – usa diferentes espécies de plantas, para diferentes tipos de jardins. As mais famosas para jardins dentro de casa são as suculentas, cactos, antúrios, bromélias e orquídeas.

Os kokedamas e terrários são feitos por ele sob encomenda e também a pronta entrega. O cliente pode escolher a espécie da planta e a utilização, pois os kokedamas podem ficar suspensos ou sob uma superfície, e os terrários são personalizados com miniaturas. Os preços variam de R$30 a R$150.

“É diferente de você comprar um vasinho de flores levar pra casa. Envolve trabalho manual com energia, carinho que é colocado em cada peça que é única”, afirma o artesão. “Um jardim é uma declaração de amor à natureza. Compor um jardim é brincar de construir o paraíso, primeiro é preciso apaixonar-se, envolver-se com a terra, sementes, raízes, água, pedras... ver crescer e assim, distraidamente, encontramos em belo jardim!”.

Adriano afirma, ainda, que seu diferencial está nos cuidados. “Procuro ao máximo acompanhar desde o cultivo da planta até a chegada ao cliente final, sempre buscando plantas com qualidade, alta viçosidade, e com melhor preço”, finaliza.

Serviço

Mundo Paralelo
Pedidos / encomendas: (65) 99624-8534
FAN PAGE / INSTAGRAM

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet