Olhar Conceito

Quinta-feira, 24 de setembro de 2020

Colunas

Coluna Dicas de Saúde: Sinusites - Epidemia

Autor: Marcelo Sandrini

22 Jun 2015 - 14:06

Arquivo Pessoal

Oscilações metereológicas, para mais ou para menos, calor intenso e seca, muita poeira, poluição atmosférica, golpes de frio, tudo conspira para o aparecimento das sinusopatias, em especial sinusites.

É necessário entendermos a conformação das vias aéreas superiores para compreendermos o porque é tão frequente as afecções dos seios da face. Ao respirarmos, e normalmente respiramos pelas narinas, o ar adentra o nariz, onde temos já a presença de pêlos que servem de filtro , e a mucosa do nariz, úmida e quente começa a saturá-lo de água e aumenta a temperatura do ar.

Através de sofisticado sistema o ar é então dirigido as câmaras ósseas chamadas seios da face, que localizam-se nos osso de nossa face, - crânio, chamados malares, as maças do rosto, frontal -nossa testa e mais internamente esfenóide e etmoide.
Então, o ar aspirado e umidificado e tem sua temperatura elevada a quase a do corpo, adentrando então à faringe, laringe, arvore brônquica e finalmente a intimidade dos pulmões, onde ocorreram as trocas gasosas que nos provém do oxigênio vital e nos propicia a retirado do gás carbônico, mortal.

Portanto, os seios da face são importantíssimos para uma salutar respiração. Então entendemos o porquê de um simples resfriado ter o poder de nos fazer sentir desconforto ao respirar. O vírus do resfriado aflige a mucosa nasal e os seios, inflamando-os obstruindo eventualmente o nariz, e com isto fazendo-nos respirar pela boca, o que leva impurezas a nossas vias aéreas, não umidificação correta do ar inspirado e não adequação de sua temperatura.

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet